MTIC
MTIC
Credito pessoal

Sabe o que é o MTIC?

2 Partilhas

Sabe o que é o MTIC?

Saber o que é o MTIC é sem dúvida um fator importante quando vai contratar um crédito.

MTIC significa montante total imputado ao consumidor. Este é, inegavelmente, um dos valores com maior importância em qualquer FIN ou FINE.

O MTIC diz respeito ao valor que o cliente vai pagar, no total, à instituição financeira. Assim o valor do MTIC corresponde a soma do valor que pediu emprestado e os custos associados ao mesmo.

Os custos associados ao crédito são:

  • Juros
  • Comissões
  • Impostos
  • Seguros
  • Outros encargos de processo

A soma de todos estes valores poderão fazer com que um crédito lhe saia mais ou menos caro.

Vamos apresentar, abaixo, um exemplo fornecido pelo Banco de Portugal, para que possa dessa forma analisar num caso pratico.

 

Analise aqui o que indica o MTIC

Imagine as seguintes condições:

  • Pede um empréstimo de 12 000€
  • Com um prazo de 5 anos, ou seja 60 meses
  • Taxa de juro anual nominal de 8%
  • Comissões iniciais de 200€ (com acréscimo de imposto de selo)
  • Comissões mensais de 1,5€ (com acréscimo de imposto de selo)

O MTIC resultante será: 15 191,12€

Ora com isto verificamos que ao valor pedido, ou seja aos 12 000€, acresce um custo de 3 191,12€.

Os 3 191,12€ dizem respeito aos juros, encargos de processo, seguro, bem como impostos e comissões.

 

Que valores não estão no MTIC

Não prevendo, no entanto algumas situações. O valor do MTIC será o valor total pago no final do crédito, a não ser que:

  • Sejam adicionados produtos não obrigatórios. Poderá ou não estar contemplado neste valor, pelo que deverá confirmar com um gestor
  • Sejam aplicadas taxas variáveis, ou mistas
  • Que o contrato seja alterado

Mesmo nestes casos o MTIC é um valor bastante relevante no momento da contratação crédito. Até porque este valor aliado a TAEG (taxa anual de encargos efetivos anuais) permitem-lhe comparar os valores do crédito, e escolher o mais barato.

Ora se analisar  varias simulações perceberá, certamente, que o crédito mais económico corresponde ao que tem a TAEG mais baixa. Algo que comprova através do MTIC.

A TAEG contem o valor não só das taxas de juros associadas ao crédito, como também o valor dos encargos, das comissões e do seguro.

Contudo deverá ter em consideração que nos casos em que a taxa de juro é variável ou mista, o valor do MTIC é somente indicativo. Uma vez que o valor que será tido em consideração será o valor inicial aplicado nas taxas. Isso acontece porque o MTIC não conta com valores de taxas especulativos e ao longo do contrato a diferença poderá ser mais ou menos acentuada.

Como pode ver saber o que é o MTIC poderá ajudar na altura de definir qual o crédito mais económico.

Agora que já detém todas as informações e sabe o que é o MTIC só falta mesmo verificar se o crédito que quer contratar é o mais barato.

2 Partilhas

Sobre o Autor

Pedro Henrique

Pedro Henrique