Início » Lavandarias self-service: uma tendência que compensa?
Lavandarias self-service
Lavandarias self-service
Finanças Pessoais

Lavandarias self-service: uma tendência que compensa?

0 Partilhas

Avizinha-se uma semana chuvosa e sabe que vai ser difícil secar a sua roupa?

Quer lavar os seus tapetes, edredons, colchas e é complicado fazê-lo em casa, tendo em conta o tamanho do tambor do seu eletrodoméstico?  

Tem a sua máquina de lavar ou secar roupa avariada e será quase uma missão impossível tratar das suas roupas das roupas, conforme o habitual?

Pode encontrar uma alternativa nas lavandarias self-servive.

Esta opção já faz furor, em outros países, há largos anos…quem nunca viu um filme norte-americano em que, algures durante o enredo, aparece alguém a recorrer às lojas de bairro que disponibilizam máquinas de lavar e secar roupa, em troca de algumas moedas?

É quase certo já ter constatado que, desde há pouco mais de 2 anos este conceito das lavandarias comunitárias começou a entrar na vida dos portugueses, ocupando um nicho importante dos serviços urbanos, atualmente.

Hoje, temos lavandarias self-service em quase todos os quarteirões das cidades e vilas.

É possível lavar roupa, secar roupa e muitas lojas disponibilizam também serviço de engomadoria associado.

Esta nova forma de lavar, secar ou engomar roupa, prima pela rapidez (em 20 minutos, consegue secar duas máquinas de roupa, por exemplo), comodidade e margem de poupança.

Como assim, poupar dinheiro, enquanto lava a roupa fora de casa?

É possível haver essa margem de poupança, mediante algumas variáveis que avaliaremos.

Se conseguir juntar duas máquinas de roupa para lavar ou secar e se tratar dessa roupa numa só máquina industrial, a margem de poupança torna-se muito maior.

Neste caso, a poupança monetária pode ganhar peso na sua escolha em utilizar as lavandarias self-service, frequentemente.

Mais que dinheiro, poupa tempo: em vez de esperar umas 2 horas até a sua máquina acabar o programa de lavagem ou secagem de roupa, passa a aguardar menos de 30 minutos. 

Estes serviços são uma alternativa que pode descomplicar, em muito, a gestão do seu tempo dedicado às lides domésticas.

Utilizar as máquinas industriais, espalhadas pelos bairros citadinos e por uma moeda de 2 euros, poder lavar ou secar a sua roupa rápida e comodamente é, claramente, um benefício.

Mais que alternativa, pode ser um complemento:  Se a máquina de lavar roupa é um eletrodoméstico comum na casa das famílias portuguesas, sabemos que nem todas as famílias podem investir na compra de máquinas de secar roupa e muitas habitações não têm sequer espaço destinado à sua instalação.

Por outro lado, como temos muitos dias de sol e gozamos de um clima aprazível, há a clara possibilidade de secar roupa à janela ou na varanda e a necessidade de comprar um novo aparelho acaba por não ser prioritária.

No inverno faz sentido complementar o valor da máquina de lavar com o da máquina de secar, sobretudo naquelas semanas em que a chuva não dá tréguas!

Lavandarias self-service: já fez as contas?

Já contabilizou quanto gasta em lavar e secar roupa em casa?

Pode ser uma dúvida algo difícil de responder, uma vez que há que equacionar, para além do gasto energético, a despesa em detergente ou água.

Tudo o que está ligado à manutenção da máquina também pesa neste somatório.

Muitas vezes, nem pensamos neste tipo de cálculo, porque sabemos que é um gasto obrigatório e uma necessidade incontornável dos nossos tempos.

Assim, vemos a condição de ter máquina de lavar roupa (mais do que ter a de secar) essencial para a gestão do dia-a-dia pessoal e familiar.

Quando vemos que as lavandarias self-service se multiplicaram tanto, no nosso país, talvez pensemos em validar essas contas e tentar perceber se é ou não compensador aderir a este novo hábito.

Uma curiosidade que pode assaltar qualquer transeunte, que passa por uma destas lojas: valerá a pena a deslocação?

Para fazer essas contas, deve saber que tipo de consumo faz a sua máquina de lavar ou secar roupa, ou seja, qual é a etiqueta energética dos aparelhos.

O detergente que usa ou o seu tarifário de eletricidade também são variáveis a considerar, para adequar os seus cálculos à circunstância real em que vive.

Não deve esquecer de verificar quais os preços praticados nas lavandarias self-servive mais perto da sua residência, pois existem variações mediante a localização das lojas.

Se a sua máquina de lavar ou de secar roupa é antiga, esteja atento e equacione bem os seus gastos comparativamente com os gastos que teria utilizando as máquinas industriais.

Poderá ter uma agradável surpresa, porque quando estes eletrodomésticos não têm certificado de poupança energética, há uma grande probabilidade de beneficiar, financeiramente, ao lavar e secar a sua roupa nas máquinas industriais das lavandarias comunitárias. 

A questão da poupança de tempo, também, é um argumento comum para escolher pelas máquinas industriais: é possível, em duas horas lavar e secar a roupa que o seu agregado familiar sujou, durante uma semana inteira.

Em casa, as duas horas podem transformar-se em umas 8 horas, se tiver de fazer mais do que uma máquina de lavar e depois colocar a roupa na máquina de secar.

Se não tiver máquina de secar, esta dinâmica pode exigir que espere até ao dia seguinte para conseguir apanhar a roupa seca do estendal e só então poder arrumar.

Não admira, então que a poupança de tempo seja um argumento muito viável para os clientes recorrerem, frequentemente, a estas lavandarias de rua.

Lavar a roupa fora de casa: poupar tempo e dinheiro!

Se a gestão do seu tempo significa muito para si e para os que partilham o espaço do seu “lar”, decerto concorda que ter mais 2 horas disponíveis, no seu fim-de-semana, faria uma grande diferença – recorrer às máquinas industriais pode dar-lhe esse tempo.

Por outro lado, pode aliar ao ganho de tempo, a compensação monetária, no caso de ter máquinas antigas ou se conseguir juntar a roupa que componha os tambores das máquinas industriais da lavandaria sel-service do seu bairro.

Faça as suas contas, equacione os benefícios diretos e indiretos de escolher uma lavandaria self-service e aproveitar o tempo e os trocos que poderão sobejar!

0 Partilhas