Salarios em Portugal por profissão
Salarios em Portugal por profissão

Salarios em Portugal por profissão

Salarios em Portugal por profissão

Os salários em Portugal variam amplamente de acordo com a profissão, a qualificação e a experiência dos trabalhadores.

Alguns dos fatores que podem afetar os salários incluem o setor de atividade, a região do país e o tamanho da empresa.

De maneira geral, os salários em Portugal tendem a ser mais baixos do que em outros países da Europa Ocidental, mas o custo de vida também é menor.

Alguns exemplos de salários médios por profissão em Portugal são:

  • Médico: €3.000 a €4.500 por mês
  • Advogado: €1.500 a €2.500 por mês
  • Engenheiro: €1.500 a €2.500 por mês
  • Professores: €1.000 a €1.500 por mês
  • Recepcionista: €800 a €1.100 por mês
  • Secretária: €900 a €1.200 por mês
  • Enfermeiros: €1.000 a €1.500 por mês
  • Motorista de elétrico: €1.100 a €1.600 por mês
  • Auxiliar de ação médica sénior: €1.000 a €1.500 por mês

É importante observar que esses são apenas exemplos gerais e os salários reais podem variar bastante de acordo com a qualificação e a experiência dos trabalhadores.

Além disso, é importante lembrar que os salários em Portugal são geralmente negociados entre as empresas e os trabalhadores, então o salário final pode ser diferente do que está indicado acima.

Salarios em Portugal por profissão

O salário mínimo em Portugal é de €600 por mês para trabalhadores com menos de 18 anos e de €700 por mês para trabalhadores com mais de 18 anos.

No entanto, muitos trabalhadores têm salários mínimos contratuais mais elevados do que o salário mínimo legal, que são negociados entre as empresas e os sindicatos de trabalhadores.

O imposto sobre o rendimento é um imposto pago pelos trabalhadores em Portugal sobre os salários e outros rendimentos.

O valor do imposto é calculado com base na tabela progressiva de imposto sobre o rendimento, que varia de acordo com o salário do trabalhador.

A tabela progressiva de imposto sobre o rendimento em Portugal para o ano de 2021 é a seguinte:

  • Até €7.095: 14,5%
  • De €7.096 a €10.295: 28,5%
  • De €10.296 a €20.591: 37%
  • De €20.592 a €33.207: 45%
  • Acima de €33.207: 48%

O imposto sobre o rendimento em Portugal é dedutível de fonte, ou seja, é descontado diretamente do salário pelo empregador.

Os trabalhadores também têm a opção de declarar o imposto sobre o rendimento anualmente e receber um reembolso se o valor pago for maior do que o devido.

É importante observar que os trabalhadores em Portugal também são obrigados a pagar uma contribuição para a Segurança Social, que é descontada do salário.

Além disso, os trabalhadores podem ter o salário descontado para pagamento de empréstimos, contas de luz, água e outros serviços públicos.